sexta-feira, 19 de outubro de 2012

3...2...1...

Em 2007 comecei essa vida de blogueira e me apaixonei.
Comecei em um só com meus textos e pensamentos de uma louca menina recém casada e que foi morar 2 dois lugares em 1 ano, longe de tudo e de todos.
Fiz amizades que hoje vejo que valem por familiares que permitiram que o tempo e a distância me tirassem de cena. Amigas incríveis que corro pro computador pra contar as novidades como se corresse pra um vizinho que torce por você e que te adora.
Compartilhei depois minha primeira gravidez, as fases da maternidade, as loucuras de ser mãe sem família perto, as descobertas e decepções com pessoas que tem seu sangue correndo nas veias, dos encontros desencontrados, das maravilhas que é ser mãe de menina e agora de um menino. Foi uma fase deliciosa e que não me arrependo, apenas ganhei com isso.
Esse universo ganhou dimensões imensuráveis, chegou num limite sem limites. Aí hoje, depois de algum tempo longe do blog, senti uma falta danada de compartilhar mais sentimentos, mais dramas, mais comédias da vida privada, mas percebo que é hora de fechar para convidados. Aqueles que realmente me seguem porque gostam e que leem porque gostam. Aqui deixa comentário quem quer, nunca pedi unzinho se quer. E fico feliz quando vejo que gostam de deixar os recadinhos.
Existem novos blogs agora, novos ramos digamos assim.
E só digo uma coisa pras novas blogueiras:
Aproveitem esse espaço visto pelo mundo inteiro, para explorar o lado bom das coisas, aproveitem para extrair suas mais sinceras e fantasticas palavras que existem em você, aproveitem para mandar mensagens legais e que de alguma forma transformam e renovam atitudes. Tire o seu melhor, aprendam, compartilhem. O mundo já tá cheio de coisa ruim e falsa, libertem seu lado bom, sua melhor mensagem.
Deixem pra lá as vergonhas do dia a dia, deixem pra lá as críticas abusivas e hipócritas, transformem-se.
E para as veteranas do peito, aguardem, vamos rir moooooito,chorar e compartilhar tudo nosso, de novo.

Vou modificar aos poucos o blog para receber uma nova fase minha, não sei se vou continuar com esse e fechá-lo ou se vou abrir um novo, mas vou avisar por aqui.
Apenas aguardem.
Mil beijocas, saudades.
Xêro na venta!

3 comentários:

Micheli Ribas disse...

Oi, amiga!
Eu perdi a coragem de ficar falando de tudo publicamente e decidi privatizar o blog. Só que depois disso confesso que desanimei para voltar a escrever... Não sei, muitas coisas influenciaram nisso, acho que até o fato de eu ter voltado a trabalhar fora de casa meio período e o tempo mais corrido. Enfim, ando sumida. Acho que encontrar as amigas blogueiras no face também ajudou nesse processo, lá parece tão mais rápido, rs. Enfim, se decidir fechar, não esquece de mim!
Beijos.

Juliana disse...

Ju, vc sabe que sou sua fã, né? Não esqueça de me convidar, pois amo seus textos!
Bjos
Juliana
Www.blogdabebel.com.br

Priscila Sant'Anna: disse...

As coisas mudaram nesses últimos tempo né Ju? O Facebook acho que influenciou mto nisso..mas eu posso falar? tenho sdd do blog, daquela época em que a gente se visitava todos os dias, ficava esperando os recadinhos, lembra? eu também fiz boas amigas com quem falo até hoje, são poucas, bem poucas as que ficaram, mas estão até hoje, depois de 3,4 anos..e tu és uma delas. A gente participou à distância de muita coisa na vida uma das outras.
O mundo tá se transformando, parece que tudo tá ficando mais urgente do que de fato é...os blogs parece que se perderam um pouco nessa mudança, tu não acha?
Agora que comecei a escrever de novo, vi como me faz falta escrever...sempre foi uma terapia, o blog fechado tem o ônus dos poucos recados, mas pra quem a gente escreve mesmo?? Primeiro pra gente mesmo, né? pra registrar tudo...Como é bom poder clicar num post antigo e reler, ver até os comentários!!! eu me perco nessa sdd!
Beijos
Pri